Parceiro Magalu

Parceiro Magalu
Aproveitem as Ofertas

CBN

domingo, 31 de janeiro de 2021

VOLTA ÀS AULAS

 Com a implementação de protocolos de segurança, Liceu inicia aulas na segunda-feira (dia 1º)

Fonte / Foto : Conceptu Comunicação

Desde o início da pandemia ocasionada pelo Coronavírus, o Liceu Salesiano Nossa Senhora Auxiliadora, de Campinas, sempre acatou as determinações dos órgãos públicos da Saúde, da Educação e da Pastoral da Educação (CNBB). No dia 16 de janeiro, o Conselho Estadual de Educação (CEE) publicou as deliberações a respeito das atividades escolares para o ano letivo de 2021, inclusive sobre o percentual da presença dos alunos na escola. A Deliberação 195, artigo 7º determina que “a distribuição mensal das atividades escolares deverá assegurar, pelo menos, 1/3 de atividades presenciais na escola”. No último dia 22, o Governo do Estado decidiu que as escolas particulares continuarão autorizadas a retomar suas atividades presenciais na primeira semana de fevereiro.

 

Nesse contexto, a diretoria do Liceu, respeitando as referidas deliberações decidiu pela presença diária de 35% dos alunos de cada classe, durante o mês de fevereiro. “Essa definição nos garante a total adequação aos protocolos de saúde e higiene”, afirma a diretora pedagógica do Liceu, Rosemary Cabral. Os alunos incluídos em grupos de risco poderão, mediante atestado médico, realizar seu processo de ensino exclusivamente por meios remotos.

 

Sensíveis às necessidades das famílias e com a preocupação constante no bem estar de alunos, professores e colaboradores, o colégio iniciará suas aulas no próximo dia 1º. de fevereiro no formato “híbrido”, revezando a presença dos alunos entre as aulas on-line e as aulas presenciais.

 


Colégio Liceu Salesiano Nossa Senhora Auxiliadora.
 (Foto Divulgação)

 

Tendo realizado todos os investimentos necessários para a implementação dos protocolos de segurança e, dessa forma, estar preparado para o início do ano letivo, o Liceu enviou às famílias e colaboradores, no dia 18 de janeiro, as cartilhas específicas de cada setor e no dia 27 também foram enviadas as listas em que constam os dias que cada aluno participará das aulas presenciais.

 

As cartilhas intituladas “Prevenção em Ação – Novos Hábitos que Cuidam” foram desenvolvidas pelo colégio aos quatro setores: Ensino Médio, Fundamental I e II, e Infantil. O material detalha os cuidados que vão desde o uso obrigatório de máscaras e álcool em gel, até o material escolar que deve vir higienizado de casa e sem compartilhamento, bem como garrafas de água individualizadas, idas ao banheiro individuais, distanciamento seguro em sala de aula de dois metros entre alunos e professores, distanciamento no pátio e distanciamento na locomoção pelo colégio, tudo sinalizado e supervisionado por colaboradores da instituição.

 

Antes do início do ano letivo, o Liceu fará a testagem para Covid-19 de todos os seus professores e colaboradores e enquanto Campinas estiver nas fases laranja ou vermelha, caberá à família a decisão de enviar ou não o aluno à escola ou se manterá em casa no formato on-line. A diretoria do colégio ressalta ainda que haverá diariamente aferição de temperatura de todos os alunos e com relação às questões pedagógicas, o colégio já realizou avaliações diagnósticas identificando as lacunas de conteúdos que deverão ser retomados pelos professores.

Estarão suspensas durante o 1º semestre de 2021, todas as atividades extracurriculares, incluindo entre outras: esportes, música, danças e inglês. O restaurante e a cantina também não funcionarão durante o primeiro mês de aula (fevereiro), sendo necessário que o aluno traga seu lanche de casa. “O atendimento às famílias continuará no formato remoto utilizando a ferramenta da Microsoft Teams e reiteramos que todas as definições serão revistas mensalmente e continuarão acompanhando as determinações e orientações dos órgãos públicos da Saúde e da Educação”, finaliza Rosemary Cabral.

sábado, 16 de janeiro de 2021

Viracopos registra em 2020 recorde histórico de movimentação de carga para um ano desde o início da concessão

 Viracopos registra em 2020 recorde histórico de movimentação de carga para um ano desde o início da concessão 

Fonte: Assessoria Viracopos 


Passaram pelo terminal de carga do aeroporto 262,2 mil toneladas; maior marca anterior havia sido registrada em 2018    

 

Alavancado pelo aumento das movimentações na importação, exportação, cargas domésticas e remessas expressas, o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), registrou em 2020 recorde histórico de movimentação de carga (em peso) para um ano desde o início integral da concessão, em 2013, com um total de 262,2 mil toneladas. A maior marca anterior havia sido registrada em 2018, com 241,3 mil toneladas.   

Na comparação do acumulado de 2020 com o total do ano de 2019, a alta foi de 18,16%, já que em 2019 foram movimentados pelo TECA (Terminal de Carga) de Viracopos 221,9 mil toneladas. A eficiente logística e a moderna infraestrutura do TECA foram fundamentais e estratégicas, por exemplo, para a chegada de medicamentos, equipamentos hospitalares, respiradores, máscaras, testes e vacinas para o combate à COVID-19.  

Além do recorde de melhor ano em 2020, o mês de dezembro também representou o melhor mês em carga movimentada da história do aeroporto com um total de 28,4 mil toneladas. O recorde mensal anterior havia sido registrado em outubro de 2020 como 27,8 mil toneladas. Já na comparação de dezembro de 2020 com dezembro de 2019, a alta chegou a 63,9%. 

Importação e Exportação 

Na importação, a alta no peso foi de 2,45% no acumulado do ano em relação a 2019, com um total de 120,4 mil toneladas que chegaram ao país pelo TECA de Viracopos. Hoje, Viracopos é o maior em importação de carga aérea do país, movimentando mais de 1/3 de toda a carga aérea que chega ao Brasil. Em 2020, a participação do aeroporto foi de 38% no volume de cargas de importação aérea no Brasil. 

Já em relação ao mês de dezembro, o crescimento na importação foi de 45,14% na comparação com o mesmo mês de 2019, sendo que dezembro foi o melhor mês de 2020, com um total de 12,7 mil toneladas.  

A exportação também apresentou bons resultados com alta de 23,37% no acumulado do ano em relação a 2019, com um total de 77,1 mil toneladas de carga saindo do país por Viracopos. Na comparação entre os meses de dezembro, o crescimento foi de 41,7%, com 6,7 mil toneladas movimentadas no mês passado ante 4,7 mil toneladas do último mês de 2019..  

Remessas expressas  

Outro setor que apresentou alta foi o de remessas expressas (courier), de importação e exportação, com 5,1% de crescimento no acumulado do ano de 2020 em relação ao acumulado de 2019. Foram movimentadas no ano 5,7 mil toneladas de remessas expressas ante 5,4 mil toneladas de 2019.  

Considerando apenas o mês de dezembro, a alta nas de remessas expressas foi de 24,3% em relação ao mesmo mês de 2019, com 563 quilos ante 453 quilos de carga. 

Carga Nacional 

A movimentação das chamadas cargas domésticas também apresentou forte crescimento em Viracopos no ano de 2020 na comparação com 2019. 

Em 2020, foram movimentados 58.829 toneladas ante 36.299 toneladas processadas no aeroporto em 2019, resultando em um aumento de 62,07%. Dezembro também representou o melhor mês de 2020 neste setor em Viracopos com um total de 8.378 toneladas.