Parceiro Magalu

Parceiro Magalu
Aproveitem as Ofertas

CBN

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Eventos gratuitos promovidos por Médicos Sem Fronteiras conectam Campinas com a ajuda humanitária

Fonte: Damaris Giuliana 
Assessora de Comunicação


De 11 a 22 de maio, organização internacional apresenta exposições, filmes, debates e contação de histórias para diversos públicos, das crianças aos profissionais especializados
A partir de hoje até 22 de maio, Campinas será a primeira sede do Conexões MSF, que leva a cidades brasileiras eventos sobre a organização internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) e o tema da ajuda humanitária. Conexões MSF, organizado em colaboração com instituições e empresas locais, inclui exposições, filmes, conversas, além de uma intervenção artística num muro da cidade.

As atividades foram distribuídas em diferentes horários e locais para promover uma conexão entre a população de Campinas e a ajuda humanitária.
“O objetivo do Conexões MSF é aumentar o conhecimento do público sobre estas crises, o trabalho da organização e o sofrimento enfrentado pelas pessoas atendidas em nossos projetos”, explica a psicóloga Ana Cecília Moraes Weintraub, presidente do Conselho Administrativo de MSF-Brasil.
A ampla programação foi pensada para diferentes públicos, das crianças a profissionais especializados. Ela inclui, ainda, a pré-seleção de candidatos para trabalhar com MSF em cerca de 70 países. Haverá também debates entre profissionais de MSF e representantes de instituições locais sobre temas próximos dos brasileiros, como doenças negligenciadas, inovação médica e acesso a medicamentos essenciais.
Conexões também é o nome da exposição fotográfica inédita montada no saguão do Aeroporto Internacional de Viracopos. As 72 imagens sintetizam o trabalho de MSF, que atende pessoas em meio a conflitos armados, epidemias, desastres naturais ou sem nenhum acesso a cuidados de saúde. Essa ajuda é oferecida exclusivamente com base na necessidade das populações atendidas, sem discriminação de raça, religião ou convicção política, e de forma independente de poderes políticos e econômicos.
Já no Parque Taquaral, é possível ver a mostra interativa itinerante Caminhos da Vacina. Por meio de fotos, vídeos, textos e mapas, o visitante conhecerá os desafios para vacinar populações em áreas remotas do mundo. Barreiras que impedem, anualmente, cerca de 22 milhões de crianças com menos de um ano de idade de serem adequadamente imunizadas contra os principais algozes da infância.
Ali no parque, assim como nas livrarias Saraiva dos shoppings Iguatemi e Galleria, sessões de contação de histórias prometem despertar a solidariedade nas crianças, abordando temas como refugiados e doença de Chagas de forma lúdica.
Na Unicamp/Casa do Lago, no Sesc e no MIS, cinco documentários serão exibidos –Acesso à Zona de PerigoAffliction – O Ebola na África OcidentalCaminhos da Vacina,Fogo nas Veias e MSF (Un)limited. Algumas das sessões serão seguidas de bate-papos com profissionais experientes nos contextos abordados.
Atividade voltada para profissionais de mídia e estudantes de comunicação, a oficina de jornalismo Ajuda humanitária em pauta – como cobrir conflitos armados, desastres naturais e epidemias discutirá o trabalho de organizações que atuam em meio às piores crises do mundo e dará dicas sobre como fazer as coberturas desses contextos.
Conexões MSF se propõe, ainda, a levar para cada cidade visitada uma intervenção artística de caráter permanente, para manter viva a lembrança da ajuda humanitária. A partir de relatos de profissionais de MSF sobre suas experiências em diversas situações, artistas convidados representam com sua arte o que interpretam dos textos. Em Campinas, a realização deste Diário de Arte caberá a Mirs Monstrengo e Leandro Kranium, do Coletivo MK. Desde 2014, a dupla desenvolve projetos de intervenção urbana com temas sociais. Ambos iniciaram a trajetória no grafite no final dos anos de 1990 e trabalham como arte-educadores. Eles contarão também com a participação do ilustrador, muralista e professor Sérgio Campelo. A obra ficará na Av. Orozimbo Maia com Av. Senador Saraiva.
Serviço
O que: Conexões MSF – Campinas conectada com a ajuda humanitária, série de eventos gratuitos promovidos pela organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras em colaboração com Aeroporto Internacional de Viracopos, Água Mágica Produções Artísticas, Coletivo MK, EPTV, MIS, Saraiva, Secretaria Municipal de Cultura, Sesc, Unicamp/Coordenadoria de Desenvolvimento Cultural/Espaço Cultural Casa do Lago e Vanessa Poitena.
Quando: 11 a 22 de maio, em diversos horários – ver programação
Onde: Há eventos no Parque Taquaral; Aeroporto Internacional de Viracopos; Unicamp – Casa do Lago, Biblioteca Central e Centro de Convenções; SESC; Livraria Saraiva (Shoppings Galleria e Iguatemi) e MIS, além da intervenção artística permanente na Av. Orozimbo Maia com Av. Senador Saraiva – ver programação
Programação completa disponível em msf.org.br/conexoes

Nenhum comentário:

Postar um comentário